Noticias dos Sindicatos
Notícias dos Sindicatos

Notícias dos Sindicatos (407)

Sindifisco-MG: Servidores da SEF/MG paralisam atividades em protesto contra atraso de salários e do 13º

08 Dezembro 2017

Diretoria do Sindifisco-MG organizou manifestações em BH e nas unidades do interior

As quatro categorias de servidores da Secretaria de Fazenda paralisaram suas atividades nesta quinta-feira, quinto dia útil do mês, em protesto contra o atraso dos salários e a indefinição em relação ao pagamento do 13º. Seguindo orientação dos sindicatos, os servidores se concentraram do lado de fora das unidades e, em alguns locais, afixaram faixas com mensagens de protesto. Em outras, os servidores se reuniram no interior das repartições.

Siprotaf-MT participa de ato público contra a aprovação da Reforma da Previdência

08 Dezembro 2017

O SIPROTAF esteve presente na tarde de terça-feira (05/12) na praça Alencastro em ATO PUBLICO DE REPUDIO contra a tentativa de aprovação do desmonte da Previdência Pública.

No ATO PÚBLICO os ATEs protestaram contra a falácia que o Governo está tentando disseminar ao dizer que o rombo da previdência seria culpa dos servidores públicos por possuírem possíveis “privilégios”.

Sintaf-CE: Fazendários vão às ruas contra a reforma da previdência

08 Dezembro 2017

Os fazendários cearenses atenderam à convocatória das centrais sindicais e se uniram ao movimento sindical e popular, na manhã desta terça-feira (5/12), em um grande ato contra a reforma da previdência. Os manifestantes se concentraram próximo ao cruzamento das avenidas da Universidade e Treze de Maio, no Benfica, e seguiram pelas ruas do Centro, até a agência da previdência social, na Rua Pedro Pereira. Mais de cinco mil pessoas participaram do protesto na Capital.

Sindsefaz-BA: Notícia de concurso pela metade revolta fazendários e fortalece paralisação

08 Dezembro 2017

A informação dada pelo governador Rui Costa, em seu programa Papo Correria, de que autorizou realização de concurso na Sefaz apenas para 60 vagas de auditor fiscal, revoltou os fazendários e aumentou mais ainda o fosso entre o governo e a categoria. Primeiro, pelo número de vagas, insuficiente para atender a demanda existente. E segundo, pela discriminação embutida na medida, pois exclui os agentes de tributos. O que até ontem era uma boa notícia se transformou em um galão de querosene em uma fogueira que já arde.

Caravana da Transparência: Veja a lista dos 100 maiores devedores do Pará

06 Dezembro 2017

Caravana da Transparência divulga a relação de quem sonega no estado.O Sindifisco divulga a relação com as 100 maiores empresas devedoras do estado do Pará. A divulgação desta lista é uma das estratégias da Caravana da Transparência, promovida pelo Sindifisco e pela Fenafisco. O sindicato fez esta solicitação à Secretaria da Fazenda do Estado do Pará (SEFA), em cumprimento da Lei de Acesso à Informação (LAI), nº 12.527/11, que assegura a qualquer cidadão o direito de obter informações relacionados à administração pública.

Sindifisco-PB: Fisco aprova indicativo de paralisação

27 Novembro 2017

Os filiados ao Sindifisco-PB se reuniram, na última quarta-feira (22), em Assembleia Geral Extraordinária, oportunidade em que deliberaram pela continuação do movimento “Quartas da Indignação”, devendo serem adotadas novas ações reivindicatórias, com objetivo de fortalecer ainda mais a mobilização do Fisco Estadual.

Sindifern-RN: Fisco realiza blitz na BR-101 e fiscalização itinerante nos pontos comerciais na grande Natal

27 Novembro 2017

Os motoristas que entraram no Rio Grande do Norte pela BR 101, divisa com o Estado na Paraíba, nesta quinta-feira (23), foram surpreendidos com uma fiscalização conjunta do Fisco Estadual, com as Polícias Rodoviária Federal e Militar. A blitz foi montada no antigo posto fiscal de Caraú e o objetivo foi fiscalizar a entrada de cargas e mercadorias sem nota fiscal, numa ação de combate à sonegação fiscal.

"Reforma Tributária precisa de modificações para aprovação", defende Sindafisco-RO

27 Novembro 2017

Segundo pesquisa realizada pela Ideia Big Data, 76,9% dos brasileiros acreditam que os pobres pagam mais impostos do que os ricos. De acordo com dados do Sonegômetro, a cada minuto, R$ 1 milhão em impostos é sonegado. Já a pesquisa da Oxfam, os brasileiros mais ricos pagam menos impostos do que os 10% mais pobres. 

Os empresários reclamam que a carga tributária é alta, a população rebate que os impostos arrecadados não são distribuídos em benefício do povo, alguns políticos defendem uma redistribuição das cobranças. Outros querem mais recursos para os Estados e municípios, e há quem defenda uma cobrança maior sobre os mais ricos e outros querem simplesmente pagar menos tributos. A verdade é que a insatisfação existe em todos os setores. Por isso o debate sobre a Reforma Tributária tem ganhado força.

Sindifisco-PA faz palestra sobre a lei Kandir

20 Novembro 2017

Evento do sindicato reuniu jornalistas e formadores de opinião.

O Sindicato dos Servidores do Fisco Estadual do Pará (Sindifisco Pará), promoveu nesta segunda-feira, 13, o lançamento da campanha de conscientização sobre a Lei Kandir com o tema “ Em 21 anos, a Lei Kandir tirou bilhões do Pará. É preciso estancar essa sangria”. Durante o evento foi realizada uma palestra para jornalistas e formadores de opinião ministrada pelo vice-presidente, Rafael Camera, com o objetivo de esclarecer e tirar dúvidas sobre a Lei Kandir.

O presidente do Sindifisco Pará, Antonio Catete, fez a abertura do evento e apresentou a campanha publicitária criada para alertar a sociedade sobre os prejuízos causados pela lei, que desonera a tributação do ICMS, principal imposto estadual, nas exportações de produtos primários e semielaborados. Isto representou uma perda de 37 R$ bilhões na arrecadação do Pará nos últimos 21 anos, segundo a Secretaria de Estado da Fazenda (Sefa).

“ É uma oportunidade para debater com os jornalistas, ouvir os questionamentos e difundir o tema de forma mais clara para a população sobre as perdas que o Pará vem sofrendo com a Lei Kandir”, comentou o presidente do Sindifisco Pará.
Rafael Caméra falou durante sua palestra sobre as perdas com a lei e as soluções propostas pelo sindicato, como a volta da tributação, que estimularia a verticalização industrial do país e com o sistema de compensação, que pode ser feita por descontos das dívidas estaduais com a União.

Para o presidente da Fundação Amazônia de Amparo a Estudos e Pesquisas do Pará (Fapespa), Eduardo Costa, a campanha promove um debate fundamental para a sociedade paraense. “ A Lei Kandir tem condenado o estado do Pará ao subdesenvolvimento e a pobreza”, comenta.
O jornalista do Blog Ver- o Fato e correspondente do Estado de São Paulo, Carlos Mendes, esteve presente no evento e parabenizou a campanha “ Essa é a iniciativa que se espera de uma entidade de classe que se preocupa com os direitos do cidadão, que lutam para reverter esses recursos que foram retirados do estado do Pará”, comentou Carlos Mendes, que alerta sobre a importância da mobilização de todos, pois “essa luta é de toda a sociedade paraense”.

A jornalista do SBT Pará, Nara Bandeira, falou da importância de ter um evento como esse voltado para a imprensa. “Acredito que esse encontro foi muito importante, pois nós jornalistas precisamos ter acesso a mais informações para que a gente possa levar esse conhecimento para a população em forma de notícia”, explica a jornalista.
Além dos jornalistas, o evento também contou com a presença dos comunicadores de sindicatos, partidos e assessores parlamentares.

CAMPANHA
Além da palestra sobre a Lei Kandir haverá uma ação aberta ao público nos dias 17 e 18 de novembro no shopping Castanheira, onde será distribuído um panfleto com informações para a população e a exposição de um painel com um bolsa gigante simulando sangue, o que representa a sangria a que o Pará foi submetido nesses 21 anos.

Fonte: Sindifisco - PA

Sindsefaz-BA: Fazendários retomam mobilização dias 27 e 28 na DAT Sul

20 Novembro 2017

A mobilização dos fazendários será retomada nos dias 27 e 28 de novembro, na DAT Sul, com uma paralisação de 48 horas em todos os postos fiscais vinculados a essa diretoria da Sefaz, bem como em todos os SACs e postos de atendimento das inspetorias. O movimento segue o novo calendário de lutas e ações definidos na última assembleia, realizada no dia 26 de outubro, em frente ao prédio-sede, em Salvador.